Fazenda não é empresa! Ou é?

A importância de compreender a fazenda como uma empresa.

 

GESTÃO E GOVERNANÇA – Por Daniel Pagotto.

Na semana passada passei por uma situação inusitada…Durante um bate papo com um produtor rural das antigas, fui questionado sobre o modo como vejo hoje o ambiente de fazendas. Ele batia o pé que “fazenda não é empresa”, além de todo aquele discurso tradicional autoritário, e eu no meu conceito que “fazendas devem se estruturar em modelos empresariais” para sobreviverem como ativo patrimonial familiar e apoiar a demanda de alimentos que teremos para as próximas décadas.

Pioneirismo e Tecnologia na Fazenda

Incrível é que, no mesmo dia, vi um post do Mark Zuckerberg em uma fazenda (é a foto que ilustra este artigo), elogiando produtores rurais pela sua importância, e também relatando que a tecnologia de hoje os ajudava muito para as atividades do dia a dia (mencionou medidores de umidade do feno, inseminação artificial e até a utilização de drones para monitorar o rebanho)… e não parecia que ele estava ali à passeio.

O fato é que não convenci aquele senhor, que foi pioneiro e desbravou o cerrado na década de 1970, sobre a minha convicção. Ele tem seus motivos e mesmo o seu histórico de sucesso… então concordo que ele tem sua razão de pensar assim.

Por outro lado, olhando a foto que ilustra este post, aumentei ainda mais a minha crença de que a atividade primária envolvendo a geração de alimentos vai ter que se transformar, através de adaptações que envolvem: ambiente empresarial, gestão e aplicação de tecnologia. Quem não se mexer vai sair do mercado!!!

A importância do ambiente estratégico, das finanças, dos aspectos jurídicos e da transição de gerações na liderança do negócio rural

Temos acompanhado muitos bons projetos suprimirem pela ausência de um ambiente de gestão que envolva a discussão profunda do ambiente estratégico, finanças, dos aspectos jurídicos e da transição de gerações na liderança do negócio rural. O resultado é o arrendamento ou venda com deságio na maior parte das situações.

Você já parou para pensar que isso pode acontecer contigo e com sua família?

Já te adianto 3 crenças, ainda ouvidas com frequência, que devem ser extintas do ambiente rural…ou aumenta de forma exponencial o risco do seu negócio não seguir para as próximas gerações:

1. Para cuidar de fazendas não é preciso estudar;

2. Fazemos deste modo há 40 anos e sempre deu certo;

3. Fazenda não é empresa.

Nossa crença envolve inclusive a formação do que chamamos de “executivos de fazendas”, que são profissionais que devem se preparar para o que vai além do ambiente de produção, e isso inclui gestão estratégica, finanças, networking, perfil de liderança e muito mais.

Abraço,
Daniel Pagotto.

Compartilhe!

Gostou? comente !!!



Sua Mensagem

Aquiles

O “novo” calcanhar de Aquiles das fazendas brasileiras

Einstein

Como Einstein pode te ajudar na sua fazenda? E por que isso pode fazer toda a diferença no seu futuro?

“144 minutos”_ Ferramenta de gestão para executivos do agro

“144 minutos”: Ferramenta de gestão para executivos do agro

Av. Getúlio Vargas, 18-46 Cj. 712
(14) 3879.8338 CEP 17017-383 Bauru-SP